A nova cena editorial brasileira

b10- coÌ pia 10  

Diante da crise do mercado editorial, diversas publicações migram na direção de se tornarem cada vez mais “armazéns digitais”. O avanço das tecnologias de impressão em baixa tiragem é a vedete, do lado dos meios editoriais. Agora é possível o consumidor entrar no site e encomendar uma única unidade de uma revista pelo mesmo valor da banca e melhor com ganho para o meio ambiente, livre do desperdício de papel. Com ferramentas como Issuu e MagCloud hoje é possível publicar e distribuir sua revista para o mundo todo com baixo custo. A ‘’idéia do faça você mesmo’’, parece inconcebível para alguns, porém vemos uma geração inteira se voltando para isso! Em tempos onde as revistas têm de diminuir o número de matérias, parece impossível ter uma revista com 100 páginas ou mais de conteúdo. Isso tem possibilitado fazer coisas que a maioria das revistas não podem fazer. A estrutura dessas revistas é bem informal e diferente das equipes das revistas tradicionais, que eram feitas antes da internet. Todos os métodos modernos de comunicação são completamente incorporados, então as edições são feitas por whatsapp, Skype, facebook, email e tem essa enorme rede informal de pessoas pelo mundo que podemos acessar.

Jonathan Wolpert - Fundador e Editor Chefe da BRAINSTORM.

OK: Quando surgiu a ideia de criar a revista?

J: A ideia surgiu a quase 2 anos atrás, quando senti uma grande falta de uma revista mais autoral e menos comercial, que atenda a um público mais relacionado com a indústria da moda, arte e cultura.

OK: Por que criar uma revista digital?

J: Creio que o mundo está se tornando mais digital até por uma realidade mais sustentável, a menor produção de papéis e desgaste da natureza. Por isso resolvi criar uma revista digital, que claro, tem a opção de edição impressa com entrega mundial via MagCloud, como um "luxo" para o leitor colecionador.

OK: Qual o público-alvo?

J: Nosso público alvo é o grupo formador de opinião de moda, cultura e arte. A Mag Brainstorm é totalmente focada em trazer informação atualizada com contexto histórico e opiniões fortes. Nosso público sabe o que quer ver e ler, que é algo dificilmente encontrado nas bancas brasileiras no momento.

OK: Quais os objetivos da revista?

J: Nosso objetivo e trazer e criar imagens de moda fortes, matérias realmente interessantes com contexto histórico e social, trazendo para o nosso público o que realmente interessa para formadores de opinião.

OK: Como são selecionados os colaboradores?

J: Nosso processo de seleção vai através das pessoas que vamos conhecendo, junto com nosso editor de moda, Ander Oliveira, penso sempre em novos artistas que estão começando a se destacar culturalmente, sempre abrindo espaço para a moda nacional (mesmo com diversos editoriais fotografados em outros países).

OK: Como montam as pautas?

J: As pautas são pensadas em cima de um tema, mas de forma mais abstrata, deixo os colaboradores abertos em forma de pensamento e ideias.

OK: Como funciona o processo criativo dos editoriais?

J: Todos os nossos editoriais são feitos através de um briefing pensado previamente através do nosso tema ou "mood" da edição em conjunto com nosso editor de moda. Deixamos sempre nossos colaboradores abertos com a visão deles, que acreditamos desde o principio.

OK: O que lhe inspira?

J: Sou inspirado geralmente por músicas ou filmes, nada relacionado a moda na verdade.

modelo---dieter-tuppel-_-foto---valeria-markulin-_-styling---luciana-markulin

 

Rodolfo Ruben - Fundador e Diretor Criativo da Romeu Mag.

OK: Quando surgiu a ideia de criar a revista?

R: Sempre idealizei a imagem masculina nos meus trabalhos, e em agosto de 2012, decidi fazer esse universo se tornar real, e surgiu a ROMEUmag.com, assumi a edição de imagem e direção criativa, e de outro lado tive o apoio de uma amigo e parceiro de trabalho Marco Cherfêm, o qual traçou os primeiros passos da direção de arte.

OK: Por que criar uma revista digital?

R: Vanguarda seria o olhar e o porque de futuro, o universo digital é a nova realidade, e com certeza as gerações iram consumir muito mais imagens criativas, a mídia impressa vem perdendo seu espaço para a nuvem de informações digital, que é rápida e de fácil acesso, abrir um site é muita mais fácil e ecologicamente correto, do que comprar uma revista na banca, não desvalorizando o mercado impresso de grande qualidade criativa, onde temos ótimos livros e revista que publicam seus conteúdos mais especial, nos possibilitando colecionar coisas de bom gosto.

OK: Qual o público-alvo?

R: A Romeu quer atingir pessoas criativas, sem limitação, posição social, ou área de trabalho, queremos ser livres e abertos para qualquer um poder experimentar as imagens conceituais masculinas que proporcionamos, queremos curiosos que desejem informações, desejamos ser uma fonte de inspiração e emoção.

OK: Quais os objetivos da revista?

R: Nosso objetivo maior é atingir todo publico que se interessa por criatividade, e poder realizar projetos dentro do site da Romeu, além da revista online portfólio Romeumag.com, lançaremos também o anuário com o resumo do mesmo, e vários projetos especiais "livros impressos, outros online, e também quem sabe no futuro alguns eventos", mais o principal objetivo é levar ao publico que nos acompanha moda masculina conceitual criativa e de grande valor artístico.

OK: Como são selecionados os colaboradores?

R: Bom, com a liberdade da internet, eles vem até a Romeu, e isso nos deixa muito felizes, pois é bem esse o objetivo, de proporcionar aos colaboradores a oportunidade de publicar suas ideias e criações, cabe a mim como editor, avaliar e orientar os mesmos, todos que desejarem podem ser colaboradores da Romeu, é só fazer contato, e não nos preocupamos em compartilhar imagens, pelo contrário, acho que isso faz com que a informação se torne vista e apreciada por merecedores.

OK: Como montam as pautas?

R: Bom, pauta na Romeu é liberdade de criação, queremos o novo sempre, e nada de limitações na Romeu, só temos o cuidado em não publicar nada vulgar ou sex, no universo editorial masculino muitas vezes os modelos são tratados de forma inadequada, isso não acontece na Romeu, do resto, aceitamos as pautas dos nossos colaboradores.

OK: Como funciona o processo criativo dos editoriais? Cada editorial tem seu processo particular, e os colaboradores se encarregam dos teus individualmente, nós da Romeu torcemos para que suas mentes se superem e nos mandem as suas mais particulares criações.

OK: O que lhe inspira?

R: Shakespeare de onde vem o nome ROMEU e toda inspiração conceitual e visão para dirigir os criativos colaboradores. meu coração sempre bateu muito forte quando via ou lia sobre os homens Shakesperianos, Romeu e Julieta pra mim é a maior lição do que o amor pode ser na vida de qualquer ser humano.

Posted in Entrevista and tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , .

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *